Demonstrações contábeis: você conhece sua importância?

As demonstrações contábeis são peças de conteúdo que servem para mostrar diversos cenários dentro de uma empresa, como a sua situação econômica, patrimonial e financeira. Estamos tratando de um conjunto de informações que são vitais para o crescimento e para a manutenção de um negócio no mercado, que se encontra cada vez mais exigente e competitivo.

O empresário que conhece a importância das demonstrações contábeis estará sempre um passo à frente da maioria dos concorrentes, já que saberá identificar cenários com mais agilidade em sua empresa, podendo tomar as decisões cabíveis em cada um dos casos.

No artigo de hoje, mostraremos um pouco mais sobre as demonstrações contábeis, e você conhecerá melhor as principais, sua importância e como mantê-las sempre atualizadas em sua empresa. Acompanhe!

As principais demonstrações contábeis de uma empresa

Antes de qualquer coisa, vamos mostrar para você quais são as principais demonstrações contábeis que uma empresa pode obter, desde que tenha um bom serviço de contabilidade regular que emita esse tipo de informação.

Balanço Patrimonial

O Balanço Patrimonial é uma das demonstrações contábeis mais famosas que existem, e o título não é nenhum exagero. Apenas com essa ferramenta, é possível extrair uma gama de informações cruciais sobre a realidade de um negócio.

Ele é dividido em dois grandes grupos: o ativo e o passivo. No primeiro, são registrados todos os seus bens e direitos, ou seja, tudo o que a empresa tem, seja em dinheiro em espécie, seja em valores a receber, seja em bens e estoque. Veja algumas das contas que compõem o ativo de uma empresa:

  • caixa;
  • bancos;
  • investimentos;
  • clientes;
  • imobilizado (veículos, equipamentos, móveis, utensílios, entre outros).

O passivo é o lado das obrigações, ou seja, tudo o que a empresa deve, inclusive o capital social, que, mencionando de forma simples, é a dívida do seu negócio para com os sócios. Vamos destacar algumas contas que compõem o passivo do balanço de uma empresa:

  • fornecedores;
  • empréstimos a pagar;
  • funcionários;
  • tributos;
  • capital social, entre outras.

Ainda neste artigo, mostraremos a importância dessas contas e como elas podem ser utilizadas para monitorar a saúde financeira e patrimonial da sua empresa. Continue lendo e aprenda mais sobre outras demonstrações!

Demonstração de Resultados

A Demonstração de Resultados é outra peça contábil de importância crucial para uma empresa. O objetivo principal dela é mostrar o lucro — ou prejuízo — que foi obtido em um ano-calendário. Ou seja, em outras palavras, ela visa a verificar se as operações da sua empresa em determinado período foram lucrativas ou não.

Ela tem menos contas que o Balanço Patrimonial, sendo assim, podemos encontrar, em uma Demonstração de Resultados, as seguintes receitas ou despesas:

  • receita de venda de mercadorias, prestação de serviços ou industrialização;
  • impostos pagos durante o período;
  • gastos com colaboradores;
  • compra de mercadorias para revenda ou para utilização, entre outras.

Demonstração de Fluxo de Caixa (DFC)

A Demonstração de Fluxo de Caixa é uma ferramenta mais específica, que visa a avaliar todas as entradas e saídas de recursos que ocorreram em sua empresa no período selecionado. Apesar de ela conter a nomenclatura “caixa”, também encontramos, nesse demonstrativo, os pagamentos e recebimentos que foram efetuados por meio de conta-corrente.

As demonstrações contábeis como ferramentas de monitoramento da empresa

Agora que você conheceu e entendeu as principais demonstrações contábeis de uma empresa, vamos mostrar como elas podem contribuir para o monitoramento e a saúde financeira da sua organização. Inicialmente, por meio do Balanço Patrimonial, podemos extrair uma série de informações.

É possível saber o saldo de clientes a receber, os fornecedores a pagar, a situação de empréstimos e financiamentos, bem como os bens móveis e imóveis que a sua empresa possui. O balanço é uma ferramenta que mostra a posição financeira e patrimonial de um negócio em determinado período, podendo acompanhar a sua evolução ao longo dos anos.

Além disso, por meio do Balanço Patrimonial, o empresário pode obter os índices financeiros que avaliam a saúde financeira da empresa. Esses indicadores medem a capacidade do negócio de pagar suas contas, seu endividamento, entre outras funcionalidades.

A Demonstração de Resultados é uma ferramenta capaz de mostrar a evolução das receitas e despesas ao longo dos anos. Além disso, ela é a principal fonte de informações acerca do lucro ou dos prejuízos que um negócio obteve em um período.

Por fim, a Demonstração do Fluxo de Caixa é fundamental para a manutenção de recursos em uma empresa. Ao contrário do Balanço e da Demonstração de Resultados, a DFC deve ser mantida e atualizada frequentemente para que a empresa não sofra com falta de recursos e tenha que cair em empréstimos e financiamentos para capital de giro.

Os desafios da manutenção dessas demonstrações

As demonstrações contábeis de uma empresa são peças extremamente complexas de serem montadas. É necessário que o empresário reúna todos os gastos, as receitas e os contratos firmados para que elas sejam elaboradas.

Além disso, é impossível fazer algumas dessas demonstrações sem contar com o apoio de uma empresa especializada nessa área de contabilidade e finanças. Tentar fechar um Balanço Patrimonial, por exemplo, por conta própria, pode significar uma verdadeira perda de tempo.

Essa e as outras demonstrações demandam vasto conhecimento de contabilidade, tributos e questões trabalhistas. Além disso, a análise desse tipo de ferramenta pode ser um pouco complexa, dependendo, ainda, do profissional especializado para traduzir as informações que são expostas.

Também é importante mencionar que, além de as demonstrações contábeis possibilitarem uma série de análises importantes para a empresa, algumas delas são de elaboração obrigatória. Isso significa que os órgãos de registro e fiscalização exigem que as empresas apresentem periodicamente algumas de suas demonstrações contábeis.

Para algumas empresas, é necessário registrar as suas demonstrações na Junta Comercial ou em Cartório específico, enquanto outras devem enviar por meio de uma ferramenta digital própria da Receita Federal, chamada de SPED.

Como você pôde perceber, as demonstrações contábeis são peças fundamentais para o crescimento e a manutenção da saúde financeira de uma empresa. Sendo assim, é impossível negligenciá-las ou deixar de estudá-las a fundo.

Portanto, se você tem alguma dúvida ou gostaria de saber mais sobre essas ferramentas de gestão, entre em contato conosco. Temos uma equipe especializada e pronta para atender as suas necessidades.

0 comentários

Categorias

Receba nossos conteúdos por email.

Guia sobre EFD-Reinf para empresas