6 principais demonstrações financeiras e sua importância

Os relatórios que atestam as demonstrações financeiras de uma empresa advêm da escrituração contábil. Esta importante ciência ajuda os negócios a terem um melhor desempenho por meio de seus relatórios gerenciais. Nele, são produzidas informações a respeito da evolução da companhia, sendo importantes indicadores de desempenho.

Neste artigo você verá o que quer dizer o conceito e acompanhará quais são as principais demonstrações financeiras produzidas pela contabilidade. Dessa forma, você terá uma noção mais clara de qual é o real objetivo de uma consultoria contábil. Não perca mais tempo e leia nosso artigo já!

O que são demonstrações financeiras?

Tratam-se de relatórios produzidos pelo setor de contabilidade de uma empresa. Eles servem para balizar a tomada de decisões de uma organização. Por meio deles, tem-se a exata noção do desempenho e evolução de uma companhia. Eles tem prazos definidos para que seja realizada sua entrega.

Quais são as principais demonstrações financeiras?

1. Balanço Patrimonial

Esta demonstração serve para avaliar o patrimônio de uma empresa em determinado período. O faz tanto de maneira qualitativa quanto quantitativa. Por meio dele, tem-se a exata noção situação econômica da empresa, assim como a contábil. São escriturados todos os bens, valores e direitos que uma organização possui.

2. Demonstração de resultado do exercício

Ou também conhecido pela sigla DRE, ele pode ser considerado como uma das demonstrações mais importantes da contabilidade. Por meio dele são levantados todas as receitas e despesas de uma companhia em determinado período. Assim, facilmente é observado se houve lucro ou prejuízo.

3. Demonstração do fluxo de caixa

Chamado apenas de fluxo de caixa também, este demonstrativo indica o valor financeiro líquido de uma empresa em determinado período. Ele consegue medir as tão ditas entradas e saídas de recurso de uma companhia ao longo do tempo. Sua projeção permite antever a situação financeira da empresa e elaborar um planejamento estratégico.

4. Demonstração de valor adicionado

Por meio deste demonstrativo é possível mensurar a quantidade de riqueza gerada por uma empresa ao longo de um período. Desta forma, pode-se chegar a conclusão se houve contribuição para a sociedade, pois este indicador contábil leva em consideração a função social de uma companhia.

5. Demonstrativo dos lucros ou prejuízos acumulados

Este tipo de demonstrativo ajuda a compreender a evolução da situação patrimonial da empresa. É como se fosse apenas o saldo entre a situação atual e alguma passada. Assim, é possível saber se a companhia está crescendo ou não.

6. Notas explicativas

Sempre que alguma demonstração contábil não ficar clara o suficiente, as notas explicativas podem ser invocadas. Elas servem para complementar e esclarecer a situação do patrimônio de uma empresa, além de ajudar a entender resultados de exercícios e alterações patrimoniais.

As demonstrações financeiras são importantes indicadores contábeis que auxiliam na gestão de um negócio. Por meio deles, pode-se trabalhar na tomada de decisões de modo assertivo e seguro. Além disso, eles servem para acompanhar em detalhes os recursos entrantes e que saem de uma companhia, se houve lucro ou não e até mesmo a evolução do patrimônio. Seu uso é indispensável.

Gostou do conteúdo? Então assine nossa newsletter e não perca nenhum lançamento!

0 comentários

Categorias

Receba nossos conteúdos por email.