Gestão de recursos humanos: qual sua importância na empresa?

A gestão de recursos humanos é um dos pilares de sucesso de qualquer organização. Muito ouvimos falar sobre capital humano hoje em dia, de forma que as empresas reconhecem cada vez mais que a qualidade de vida dos colaboradores faz toda a diferença para como eles se sentem no ambiente de trabalho e, consequentemente, afeta o desempenho.

Assim, essa gestão trata de cuidar das pessoas, equilibrando as relações de trabalho, garantindo o bem-estar do time e também defendendo os interesses da empresa nesse sentido. Que tal dialogarmos um pouco mais a respeito? Continue conosco nessa leitura e fique por dentro do assunto! 

Humanização das relações de trabalho

O primeiro aspecto importantíssimo da gestão de RH, além de cuidar de todos os assuntos técnicos e burocráticos do setor, é justamente a humanização das relações de trabalho. Já foi o tempo em que a produção era o que ditava as regras nas organizações.

É fundamental ter o olhar humanizado, afinal, ali estão trabalhando pessoas, cada uma com sua história, seus desafios, suas habilidades e sonhos. Quando a empresa entende isso, é capaz de traçar um perfil cultural que valoriza o que é diferente de cada um, tratando assim as pessoas como mais cuidado e atenção. 

Melhoria na produtividade e resultados

Você certamente já ouviu falar na Pirâmide de Maslow. Ela analisa quais são as necessidades básicas do ser humano, a fim de que ele se torne pleno e realizado. Pois bem! Nela podemos ver que além de ter condições sanitárias e de suprimento de fome e sede, por exemplo, elementos como reconhecimento e vida social são primordiais.

Essa é, inclusive, uma das ferramentas da gestão de Recursos Humanos. Quando as pessoas estão se sentindo bem no trabalho, com seus direitos básicos garantidos e sendo valorizados, a produtividade aumenta, afinal, colaborador feliz trabalha feliz e renda mais. Isso impacta diretamente nos resultados da empresa!

A empresa deve encontrar seu próprio caminho

Quando falamos em valorização, isso pode ser um tanto quanto subjetivo, concorda? Por isso, é papel do gestor de RH conhecer as características da empresa, seus objetivos e metas, alinhando assim o perfil de seus talentos e também dos processos de recrutamento e seleção. Os recursos devem ser analisados para garantir um caminho sustentável. 

Garantir a satisfação do colaborador é também um ato gerencial, pois é função da gestão de RH investigar e descobrir o que deixa o time mais feliz, o que serve de incentivo e o que desanima. Muitas pessoas se engajam com salário, outras priorizam um clima organizacional altamente entrosado. Vale a pena planejar para superar as expectativas!

Fortalecimento da cultura organizacional

Falando em clima organizacional e sobre gestão de processos do RH em relação à satisfação do colaborador, vale a pena comentar que essas ações fortalecem a cultura da empresa. Há muitas organizações que tem um posicionamento de mercado tão bom nesse sentido, que contam com diversos talentos concorrendo oportunidades.

A ideia é sim que a sua gestão de recursos humanos garanta que a empresa seja um dos melhores lugares para se trabalhar, pois o investimento em planejamento, acompanhamento de indicadores e alinhamento de processos também vai garantir um alto desempenho, afetando a qualidade dos produtos e serviços e melhorando os resultados como um todo. 

Esse tema é super importante e urgente. Quem ainda não se preocupa com gestão de pessoas, precisa começar. Faça sua parte: compartilhe este post nas redes sociais e se posicione sobre o assunto! 

0 comentários

Categorias

Receba nossos conteúdos por email.